Cesurg Sarandi
Farmácia Nossa Senhora de Fátima
Palazzo Ambientes
Grossi Combustiveis
  • Home
  • Colunistas
  • Fernando L. Concatto

Destaques do programa do Rotary e a Comunidade - Fernando Luiz Concatto

 

sagrado coracao de jesus 2 A Rádio Minuano FM 104,9, apresenta todos os sábados as 10  às 11 horas o programa Rotary e a Comunidade, na produção e apresentação de Justino Pasquetti e Fernando Luiz Concatto. No sábado dia 17 de junho de 2017, a Congregação das Filhas do Sagrado Coração de Jesus foi destaque e as entrevistadas foram: Irmã Carmen Salete Anghelen, no Estudio da Rádio Minuano, e a Irmã Neusa Falcade Provincial e Presidente da Congregação das Irmãs do  Sagrado Coração de Jesus, ao vivo por telefone, de Porto Alegre. Elas falaram que a Congregação está em Sarandi a 87 anos, por mais de 75 anos com a Escola Santa Gema e atualmente com três Irmãs trabalhando na Evangelização e colaborando com a Paróquia Nossa Senhora de Lourdes. Comentaram sobre a Biografia da Teresa Eustóquio Verzeri que  nasceu em Bérgamo, norte da Itália, no dia 31 de julho de 1801, filha primogênita de Antonio Verzeri e de Elena Pedrocca-Grumelli.

Foi batizada no dia seguinte na igreja Santo Alexandre in Colonna e recebeu os nomes de Anna Maria Inácia Teresa Catarina Josefa. O casal Antonio e Elena teve outros seis filhos: Catarina, Jerônimo que faleceu antes de completar o primeiro ano de vida, Jerônimo que se tornou bispo de Bréscia, Maria, Antonia e Judite. Mais ou menos até o ano de 1810, a família Verzeri residiu à Rua Santo Alexandre nº. 126, Bairro São Lourenço, transferindo-se depois à rua S. Giacomo, na Cidade Alta. Conforme os costumes da nobreza da época, a educação das filhas era tarefa da mãe. Os filhos homens, aos 6 (seis) anos, passavam sob a responsabilidade paterna. No dia 14 de maio de 1841, a Sagrada Congregação dos Bispos e Regulares aprovou a Congregação das FSCJ e deu um voto de louvor às Constituições.

Em 1865, foi introduzida a causa de beatificação. Em 1883, Leão XIII assinou o decreto. Em 22 de abril de 1922 foi reconhecida a heroicidade de suas virtudes. A 27 de outubro de 1946, S. Santidade Pio XII a proclamou bem–aventurada. No dia 10 de junho, ano do bicentenário de seu nascimento, João Paulo II a inscreveu no cânone dos Santos, oferecendo à Igreja e ao mundo Santa Teresa Verzeri como modelo de santidade.

Santa Teresa Eustóquio Verzeri passou por este mundo, orientando–se pelos princípios da fé cristã. Seu olhar se manteve fixo no sumo bem de sua vida, a vontade de Deus foi o seu grande amor.

Tornou–se mestra de vida espiritual, orientando as FSCJ na busca do único necessário, numa relação de intimidade com o Verbo de Deus Humanado, num coração a Coração para investir–se de seus sentimentos e aprender dele as suas virtudes.

Em vista da santificação pessoal e do próximo, a cada FSCJ e a Congregação das FSCJ Jesus Cristo fez o precioso dom de seu próprio Coração para que Dele e não de Outro cada FSCJ aprendesse a santidade, sendo Ele a única fonte da verdadeira santidade. Entre os grandes ensinamentos que Teresa legou à Congregação está o que ela chama de "magistério da graça". Cada pessoa deve ser fiel à graça e segui–lá com generosa fidelidade. Neste ano de 2015, as Irmãs Filhas do Sagrado  Coração de Jesus tem mais um marco na História na Cidade de Sarandi RS.

São 87 anos de presença das Irmãs em Sarandi  No ano de 2000 a Escola Santa Gema Galgani, às Irmãs encerraram sua Missão neste educandário, onde hoje funciona a UPF. Após 60 aos de atuação na educação dos filhos e filhas desta terra, porém às Irmãs continuaram sua presença na Comunidade de Sarandi e já por 15 anos, numa pequena Comunidade de incerssão atuando no Lar da Menina, nas pastorais da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, junto aos doentes e idosos, nos Bairros da Cidade e Interior, nas Escolas, na formação de lideranças e junto as pessoas mais desprovidas do unidade com a vida. Nestes 87 anos de presença das Irmãs Filhas do Sagrado Coração de Jesus em Sarandi, muitas Irmãs passaram por aqui deixando sua marca e seu trabalho junto a este povo, muitas delas, também são filhas desta terra, de famílias que ainda aqui residem, outras já passaram para a eternidade e outras continuam sua missão em outras Terras.atualmente estão as Irmãs Zena,Inelve e Carmem.

 

O Dia do Sagrado Coração de Jesus celebra-se dia 23 de junho em 2017

O Sagrado Coração de Jesus é uma data móvel que se comemora na segunda sexta-feira após a Festa de Corpus Christi (Corpo de Cristo), é uma das três solenidades do Tempo Comum, dentro da Liturgia da Igreja Católica, comemorada na segunda sexta-feira, após a solenidade de Corpus Christi. Além disso, essa devoção também é cultivada pela Igreja Católica ao longo de todas as primeiras sextas-feiras de cada mês.

Consiste no louvor ao amor de Jesus pelos homens, na adoração ao coração que mais ama, lembrando que Jesus também foi homem, para além de Deus. Para os católicos, foi deste Coração de Jesus que se abriram as portas do céu e que nasceu a Igreja do Senhor.

A origem desta devoção se deve às aparições de Jesus, a Santa Margarida Maria, religiosa da Congregação conhecida como Ordem da Visitação. Santa Margarida Maria de Alacoque teve extraordinárias revelações por parte de Jesus Cristo, que a incumbiu pessoalmente de divulgar e propagar no mundo esta piedosa devoção. 

Hoje, o movimento do Apostolado da Oração ao Sagrado Coração de Jesus zela por essa devoção e a propaga pelo mundo todo.

Dessa forma, a devoção ao Sagrado Coração de Jesus difundiu-se por todo o mundo e foi recomendada por muitos Papas da Igreja. Muitos Santos, como São Francisco de Assis, Santo Inácio de Loyola, Santa Tereza D’Avila e outros, dedicaram terna devoção, admiração e adoração ao Sagrado Coração de Jesus. Vai ter Celebrações na Igreja Matriz Nossa Senhora de Lourdes de Sarandi a partir das 18 horas.

 Fernando Luiz Concatto

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.
O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.