Palazzo Ambientes
Conffiare
Assembleia
Grossi Combustiveis
  • Conffiare
  • Palazzo Ambientes
  • Assembleia
  • Grossi Combustiveis
  • Irmãos Ferronato
  • Lunna Pub Bar
  • Bortoluzzi Odontologia
  • Cotrisal
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Cresol
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Casarotto Imóveis
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Teloken Engenharia LTDA
  • X & Cia
  • Bruna Soares Fotografia
  • Sicredi
  • Cesurg Sarandi
  • Barbearia 84
  • Benno's Bar
  • Restaurante 4 Ases
  • Laboratório Sarandi
  • Milani Corretora de Seguros
  • Taura Auto Peças
  • Nina Comunicação Visual
  • Clínica Estética Vitallitá
  • Jack's Steak Club
  • VS Gráfica Expressa
  • Hiper Mercado Wagner
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Rômulo De Cezaro
  • Gostinho Della
  • Boohler Serigrafia

Chimarrão com água muito quente pode causar câncer

 

OMS alerta para o risco de desenvolvimento de câncer de esôfago quando a temperatura da água ultrapassa os 65ºC

Chimarrao com agua muito quente pode causar cancerO consumo de chimarrão, assim como outras bebidas em temperatura muito elevada, pode ser uma das causas para o desenvolvimento do câncer de esôfago. O alerta foi dado recentemente pela agência especializada em pesquisas de câncer da Organização Mundial da Saúde (OMS). A avaliação, publicada na revista científica The Lancet Oncology, trouxe uma análise de dados de cerca de 1.000 publicações prévias sobre o assunto.

 

A cada ano são quase 8 mil novos casos de câncer de esôfago no Brasil, destes, 1.100 ocorrem no Rio Grande do Sul. Ainda que outros fatores possam estar envolvidos, além do chimarrão, o estado gaúcho apresenta uma incRádio Uirapurúidência 10 vezes maior que a Região Norte, por exemplo. De acordo com o oncologista clínico do Centro de Tratamento de Câncer (CTCAN), Dr. Álvaro Machado, o consumo de chimarrão na América do Sul e chás quentes na China e África e a incidência maior de câncer de esôfago e boca nestas regiões levou a ONU a fazer o alerta.

 

Não mais que 65°C

A temperatura de risco identificada pela ONU foi 65°C ou mais, independentemente do tipo de bebida. “A bebida quente provoca lesões repetidas na mucosa do esôfago e da boca. Isto leva a alterações, no decorrer dos anos, que podem desencadear o câncer, mais especificamente do tipo carcinoma epidermóide”. Segundo o oncologista, é possível conciliar o consumo da bebida sem comprometer a saúde escolhendo uma temperatura mais amena. “No caso do chimarrão sugiro usar termômetro para consumir a bebida abaixo de 65° C”, recomenda.  

 

Câncer de esôfago

O RS tem uma incidência anual de mais de 20 casos para cada 100.000 homens e pouco menos de 7 casos para cada 100.000 mulheres. Nesta proporção, Machado acredita que Passo Fundo deve registrar cerca de 25 casos novos a cada ano. Em 2013, houve 12 óbitos por câncer de esôfago entre residentes do município. Entre as causas principais para o desenvolvimento do câncer estão o tabaco e álcool. O sintoma mais frequente é a dificuldade em engolir o alimento ou a sensação de que o alimento não desce ao estômago. “Muitas vezes isto começa de forma discreta, com alimentos mais secos, se tornando mais frequente e intensa, com dificuldade para engolir até mesmo líquidos”.

 

A taxa de sobrevivência depende do estágio da doença e das condições clínicas do paciente. “Em geral os pacientes têm outras doenças associadas por causa do cigarro e muitas vezes estão desnutridos. O câncer de esôfago é de tratamento complexo e, infelizmente, os pacientes são diagnosticados na maioria das vezes com doença extensa, mais avançada”, explica o oncologista. Ele ressalta que é necessário um esforço para identificar as pessoas de risco para o câncer de esôfago, tabagistas, etilistas e bebedores frequentes de chimarrão muito quente, para educar e abandonar estes hábitos, além de propor acompanhamento para eventual diagnóstico precoce, que é a grande chance de cura.

 

Benefícios para a saúde

Por outro lado, o consumo de algumas bebidas em temperatura adequada pode ajudar a prevenir vários tipos de tumor. A erva-mate, por exemplo, possui uma composição muito rica em vitaminas e sais minerais. De acordo com a nutricionista do CTCAN, Bruna Alba Gradin, entre as propriedades nutricionais do chimarrão estão o ferro, fósforo, potássio, manganês e vitaminas como B1, B2, B6, C, E e D. "Estes compostos da erva-mate, junto com propriedades antioxidantes, combatem a liberação de radicais livres pelo corpo humano, prevenindo lesões nas células e possíveis efeitos cancerígenos", explica.

 

Já o café, possui substâncias como a cafeína, que evitam danos às células. “Existem vários componentes funcionais, como os fitoquímicos, que podem reduzir os processos inflamatórios corporais, agindo também como um antioxidante e protetor ao câncer”, relata. Além do café, Bruna lembra os benefícios do chá verde, que também tem propriedades anticâncer. “Os fitoquímicos presentes nele têm a capacidade de suprimir o processo de iniciação e progressão de diversos tipos de tumor”, afirma. Entretanto, essas bebidas devem ser consumidas com moderação. A nutricionista recomenda não ultrapassar 1 a 2 xícaras de café ao dia - já que o excesso pode aumentar o colesterol - e, no máximo, 10 cuias de chimarrão ao dia.

       

Por Jornalismo Uirapuru

DiárioRS

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.

rodape diario novo 05 12 15

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Vimesq
  • Estação Fitness
  • Eficaz
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Revista Spelho
  • Confecções Helenice
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Lancheria Grenal do Tainha