Cresol Sarandi
Follow - Liv - G8 Pub
Cesurg Sarandi
Grossi Combustiveis
  • Cesurg Sarandi
  • Grossi Combustiveis
  • Follow - Liv - G8 Pub
  • Cresol Sarandi
  • Laboratório Sarandi
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Casarotto Imóveis
  • Milani Corretora de Seguros
  • X & Cia
  • Bortoluzzi Odontologia
  • ZF Colchões Bio Magistral
  • Restaurante 4 Ases
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Cotrisal
  • Barbearia 84
  • Gostinho Della
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Nina Comunicação Visual
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Rômulo De Cezaro
  • Clínica Estética Vitallitá
  • VS Gráfica Expressa
  • Taura Auto Peças
  • Sicredi
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Home
  • Cidades
  • Nova Boa Vista
  • Nova Boa Vista - Município participa da 1ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres – CESMu

Siga nossa página

Nova Boa Vista - Município participa da 1ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres – CESMu

 

Durante os dias 09 a 11 de junho, representantes do município de Nova Boa Vista estiveram participando da 1ªMunicipio participa da 1 Conferencia 2  Conferência Estadual de Saúde das Mulheres (CESMu), no município de Porto Alegre/RS. Estiveram representando e exercendo o papel social as delegas eleitas na 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres, nos seguintes seguimentos: Usuário – Marlene Zimermann Koch, Gestor – Vanilde Vogt Dalcin, Trabalhador da Saúde – Patricia Caprini Guzzo.

O objetivo da Conferência foi discutir as políticas públicas de saúde da mulher e também fazer valer e garantir a aprovação das propostas municipais no âmbito estadual e nacional. Foram votadas pelas delegadas de Nova Boa Vista 12 propostas para a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres – CNSMu que acontecerá no mês de agosto em Brasília:  

1- Fortalecer a parceria, a transversalidade e a intersetorialidade entre as políticas públicas de saúde, educação e assistência social de forma a contribuir com o debate de gênero, raça, classe e os direitos sexuais e reprodutivos das mulheres, em todas as suas especificidades.

2- Garantir uma rede de atenção à saúde materno-infantil que assegure humanização às usuárias do SUS efetivando Políticas de Humanização de parto e nascimento, concretizando o preconizado na Rede Cegonha.

3- Universalizar o atendimento preventivo de câncer do colo do útero e mamas para mulheres em situação de vulnerabilidade e aumentar a faixa etária preconizada pelo Ministério de Saúde para realização de mamografias e do citopatológico.

4 - Adquirir cadeira adaptada para as mulheres com deficiência física poderem fazer exames preventivos e outros, superando suas dificuldades de locomoção e acesso aos serviços.

5- Criar espaços de acolhimento e apoio para mulheres e suas famílias em situação de violência física e psicológica.

6- Instituir encontros periódicos da rede de proteção das mulheres (saúde, assistência social, segurança pública, judiciário, dentre outros órgãos) para debater as ações de cuidado e atenção.

7- Fazer campanha de conscientização dos trabalhadores rurais quanto aos riscos envolvidos no manejo de agrotóxicos.

8- Garantir a Política de Atenção Integral à Saúde das (os) Trabalhadoras (es) articulando ações coletivas e individuais de promoção, proteção, prevenção, vigilância dos ambientes do trabalho e com vistas a intervenção dos fatores determinantes e condicionantes, nas atividades e processos, de forma evitar os diversos agravos, mortes, sofrimento psíquico relacionado ao trabalho, atuando de forma inter e multidisciplinar, com escuta às trabalhadoras e suas representações.

9- Implementar curso de pós graduação e/ou residência em enfermagem obstétrica, financiado pelo Sistema Único de Saúde.

10- Garantir o acesso e o uso racional dos medicamentos prescritos, como previsto na Política Nacional de Assistência Farmacêutica.

11- Garantir, por Lei, a proibição do uso de agrotóxicos prejudiciais à saúde e à vida das trabalhadoras e dos trabalhadores rurais e da população em geral. E que esta proibição seja fiscalizada pelo poder competente, com direito de participação dos trabalhadores rurais, através do seu sindicato, bem como desenvolver pesquisas com relação às substâncias e seus efeitos sobre a saúde de seres vivos, aperfeiçoando os mecanismos da vigilância em saúde.

12- Garantir a implementação das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde, nas três esferas do Sistema Único de Saúde, respeitando os saberes ancestrais e populares, em especial das parteiras, rezadeiras, ervateiras, benzedeiras investindo na formação permanente dos profissionais de saúde dos Municípios, Estados e União (Educação Permanente em Saúde).

As representantes agradecem o apoio da gestão, dos trabalhadores de saúde e de toda a comunidade que contribuiu com a construção das propostas e seguem na luta pela efetivação das políticas públicas de saúde das mulheres. 

 

P.M. Nova Boa Vista


CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Eficaz
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Vimesq
  • Revista Spelho
  • Confecções Helenice
  • Lancheria Grenal do Tainha
  • Estação Fitness