Cresol Sarandi
Cesurg Sarandi
Grossi Combustiveis
Chini Centro Auditivo
  • Chini Centro Auditivo
  • Grossi Combustiveis
  • Cresol Sarandi
  • Cesurg Sarandi
  • Dec´s
  • Master Informática
  • Clínica Estética Vitallitá
  • PróVida
  • Barbearia 84
  • Casarotto Imóveis
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • X & Cia
  • Cotrisal
  • Gostinho Della
  • Fornari Advogados Associados
  • Milani Corretora de Seguros
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • VS Gráfica Expressa
  • Taura Auto Peças
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Consórcio Sarandi
  • Laboratório Sarandi

Ronda Alta - Informativo da Câmara Municipal de Vereadores de Ronda Alta

Sessão tem aprovação de projeto que auxilia Rádio Comunitária Navegantes

Na noite de terça-feira, 12 foi realizado na Câmara Municipal de Vereadores de Ronda Alta mais uma Sessão Ordinária. Durante a ordem do dia foi aprovado o Projeto de Lei n° 011 do Executivo Municipal, que autoriza o Poder Executivo Municipal a conceder auxílio financeiro, sob forma de subvenção á Rádio Comunitária Navegantes de Ronda Alta. O projeto foi aprovado com emenda, proposta pelas Bancadas Governista, Oposicionista e Independente. A Sessão teve a presença do ex-vereador Juliano Ribeiro e sua mãe, esposa de João Manoel Ribeiro Nilva Ribeiro.

Grande Expediente

Lóris destacou amizade com João Manoel Ribeiro

O vereador Lóris Antônio Pérego cumprimentou a mesa e o plenário. Iniciou seu pronunciamento falando sobre a indicação feita por ele, lida na presente sessão, a qual solicita a colocação do nome de João Manoel Ribeiro ao novo distrito industrial, elogiando a vida e trajetória do homem público. Agradeceu a aprovação da câmara e a presença do filho Juliano e a esposa de João, Nilva, presente ressaltou que a área do distrito terá 7 terrenos e será rodeada de APP. Lembrou durante a fala de vários momentos em que passou com o amigo, da família, do assentamento e das contribuições e trabalhos da administração do edil. Disse que na época do assentamento o poder público estava preocupado com a inclusão social e dignidade das famílias “Daqui da prefeitura ia lona e comida. O que se buscava era que as famílias tivessem um pedacinho de terra para criar seus filhos na dignidade e ele tinha essa capacidade.” Agradeceu a presença de ambos e disse que uma parte do coração de João era do PTB que depois foi para o PDT junto com o líder Leonel Brizola. Lembrou que o deputado Carlos Araújo e Dilma Roussef estiveram na casa de João para fundar na região o PDT em 1982. O vereador falou também que na época em que o município era administrado por João Manoel eram tempos difíceis, tempos de ditadura, no qual os recursos eram poucos. Citou o padre Arnildo e o trabalho dele no assentamento. Elogiou também aos políticos que foram homenageados dando nome da prefeitura, a câmara de vereadores o campo municipal e outros dizendo que do governo da ditadura isso não precisa ser feito, afirmando que tem que ser homenageado pessoas que lutaram por ideais sociais. Para finalizar expressou a vontade de que o papa beatificasse Dom Elder Câmara e Dom Eugênio Sales que foram pessoas que fizeram pelos pobres, dizendo ainda que dia 15 será comemorado 70 anos de PTB, da CLT, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, da mulher ter direito ao voto, do salário mínimo e do homem que disse que a reforma agrária deve ser feita ao redor da nossa casa, Getúlio Vargas, “homem que saiu da vida para entrar na história.”

Apresentação em homenagem às mães feita pela Escola HB foi pauta no pronunciamento de Eny

Eny Fiorentim cumprimentou o presidente, os vereadores e demais pessoas presentes no plenário. Elogiou a festa e as homenagens feitas pela Escola Herculino Baldissarella na última semana. Disse que durante o evento, que foi muito bonito, foi homenageada a primeira diretora do colégio, dona Carmem, além de professoras e mães, parabenizando o Padreco e equipe da Escola pela organização. Falou sobre os estudantes que realizaram as apresentações, salientando que as professoras devem ser valorizadas por que ensinam o caminho do bem através do esporte, da dança, de violeiros e da banda marcial como visto na festividade. Falou que a banda que animou era muito divertida, que foram momentos agradáveis. Parabenizou também todas as mães pelo seu dia. Disse que quando veio para Ronda Alta, em 1962, João Manoel Ribeiro veio logo depois. Eny destacou que não é como dizem que não se pode homenagear militares, que os militares são para nos defender e quando há algum que defende o povo de uma maneira especial merece busto. Disse que na época dos militares ele era companheiro do João Manoel, política a parte, ressaltando que ele era favorecido, não era marcado. Eny disse que os recursos não vinham não por que eram militares que mandavam e sim porque as leis mudam, ressaltando que na época em que chegou a Ronda Alta não eram os militares que mandavam e não havia nem luz no município, nem asfalto de Porto Alegre em Sarandi, afirmando que foram os militares que fizeram. “Aqui as pessoas foram bem servidas, apesar de que nos grandes centros possam ter feito algo de mal.” Falou que devemos enxergar os dois lados, dizendo que é isso que ele faz. Falou que os maiores problemas são vistos nos últimos mandatos que é a corrupção e esta nunca vista antes no país. “E não é militar que está mandando”, finalizou.

Vereador destacou trabalho de João Manoel Ribeiro na saúde

O vereador Moacyr Orbak cumprimentou o público em geral e em especial Nilva e o ex-vereador Juliano Ribeiro, presente na sessão. Iniciou falando sobre o projeto de Lei n° 015 que trata do repasse para a rádio comunitária e sobre o acordo feito entre bancadas. Disse que este projeto contempla a rádio que é a porta voz do município e que ela é responsável pela divulgação das informações locais. Falou sobre as mobilizações da terça-feira, 12, pela parte da manhã, afirmando que o povo está sendo traído citando o projeto de ajuste fiscal. Aproveitou para agradecer a bancada de seu partido o PDT, que foi contra o projeto e contra a retirada dos direitos trabalhistas, ressaltando que o partido não está com políticos envolvidos devolvendo dinheiro e que o partido sempre lutou pela classe trabalhadora. Em nome do partido, agradeceu ao Juliano e a Nilva pelo trabalho que desenvolveram junto com João Manoel, fazendo o bem para o município de Ronda Alta. Disse que João foi um grande político, principalmente relacionada à saúde na implantação do Hospital dos Trabalhadores “Ele disse, saúde é um direito de todos, foram as palavras de João.”. Disse que o político foi um lutador da saúde e que a clínica que buscam para o município vai receber o busto com o nome dele sendo o mínimo para homenagear o grande político que foi.

“Os eleitores devem cobrar os políticos”. Disse Vitor

Após cumprimentos o Vereador Vitor Cavazini disse estar encabulado por estar de frente de um grande orador, Juliano Ribeiro. Disse estar triste pelo o passamento da mãe de Adelar Novelo, dona Lurdes, pessoa muito querida para a comunidade e pessoa que junto com o esposo e filho pelo trabalho que fizeram pelo município. Parabenizou as mães e disse que as entidades homenagearam pouco as mães pela importância que elas tem, afirmando que a mãe é uma figura que representa a vida e que a preocupação está sendo grande com o negócio mas não com a figura mãe. Parabenizou o colégio HB pelas apresentações, janta e organização, ressaltando a participação dos pais, alunos, professores e ao Padreco pela organização. Sobre a indicação em homenagem ao João Manoel Ribeiro feita por Lóris afirmou ser uma ideia brilhante, pois este muito fez pelo município. Disse também que ouve discursos inflamados sobre a sobra de recursos de uma boa administração, por ser diferente. “Vamos recordar de quando Ronda Alta não tinha luz, nem máquinas e as dificuldades dos primeiros prefeitos.” Disse que se deve olhar por todos os que passaram, pois as reformas só são possíveis por que alguém já construiu, as reformas nas ruas, a contribuição com a rádio e outros também, citando o centro de formação. Agradeceu aos agricultores e ao comércio pelas contribuições com o município. Cobrou as promessas de empresas que viriam de fora para dar emprego no município, cessando a saída de famílias do município que vão atrás de empregos. Sobre a saúde disse que ela não pode ser esquecida, dizendo que as obras precisam ser feitas, mas os remédios, os exames precisam ter atenção. Falou que os eleitores precisam cobrar seus políticos, pois só assim o político vai pensar duas vezes antes de prometer. “O eleitor é culpado por não cobrar todo o dia, isso é um compromisso. Eu serei um eleitor ferrenho do governador.” Falou que todos os prefeitos que passaram pelo município construíram algo, inclusive o atual, “mas se estão é graças aos antecessores, assim como os vereadores e eu. Cabe a nós fazer cada vez melhor”. Disse que o político só será feliz quando todos estiverem felizes, quando houver igualdade e esse compromisso é dos políticos.

00121ed 5

Vereador Baixinho destacou importância da busca de recursos para o desenvolvimento

O vereador Baixinho iniciou seu pronunciamento cumprimentando os presentes. Compartilhou das palavras dos colegas e disse não querer ser repetitivo sobre a emenda da rádio, afirmando que acredita que esse foi o caminho correto e que há cobrança por parte da comunidade. Afirmou que a colaboração é uma contribuição justa e que a análise conjunta dos vereadores deve ser feita sempre. Sobre as manifestações disse que elas não podem ser motivo de inércia, afirmando que Ronda Alta não pode parar com a roubalheira, com a corrupção. Agradeceu ao ex-vereador Juliano pela articulação em busca de recurso para o município, pela vontade de desenvolvimento. Ressaltou que Juliano apesar de ser oposição quer o melhor, mesmo não sendo vereador. O vereador disse que muitos podem criticar e dizer que ele é o vereador das emendas, mas afirmou que elas são e foram nos últimos anos as responsáveis pelo crescimento dos municípios. Destacou que buscou recursos mesmo quando foi oposição e que os recursos devem ser buscados também pelos colegas, pois todos têm representantes em nível nacional e estadual e que o que não pode acontecer é não ir buscar recurso por que é adversário. Sobre a questão local falou que a administração organizou vários pontos, inclusive a saúde, motivo pelo qual foram liberados de forma mais fácil os recursos para veículos, infraestrutura e desenvolvimento, afirmando defender a administração e os secretários pelo bom trabalho que estão desenvolvendo. Disse que a administração pensa no todo e que as opiniões contrárias sempre vão existir, sendo levado em consideração as críticas construtivas. “O ano que vem quem julga os que continuam são as urnas.”. Parabenizou Pérego pela homenagem ao ex prefeito João Manoel Ribeiro e pelo trabalho social desenvolvido no município. Finalizou afirmando que tem que se trazer empresas de fora, pois são importantes, mas primeiro deve-se valorizar as daqui.

Gadini destacou inauguração do Centro de Formação Roseli

O presidente cumprimentou os colegas e presentes, manifestando satisfação especial a presença de dona Nilva e o ex vereador Juliano Ribeiro. Disse estar contente por estar contribuindo no processo de implantação do nome de João Manoel ao distrito industrial, afirmando que o ex-prefeito João também deve estar muito contente por este momento, esteja onde estiver. Sobre o PL4330 disse que a atitude de votar a favor deste projeto que terceiriza serviços fins de empresas deve ter acordado Leonel Brizola, Getúlio Vargas e também o João Manoel que defendia o trabalhismo e a CLT. Falou que essa questão deve ser revista e que na próxima sessão irá propor uma moção de repúdio na câmara que será enviada aos senadores para que eles não votem a favor deste projeto. Falou sobre a inauguração do Centro de Formação Roseli que ocorreu na segunda, 11. Segundo o vereador foi simples mais muito bonita e o deixou muito contente. Disse que espaço que já foi da comunidade por direito e que estava no sonho de muitos aqui no município, inclusive do padre Arnildo que muito sonhava em ver aquele local em funcionamento, sendo esse uma possibilidade de qualificação dos jovens, é hoje realidade. Ressaltou que a oportunidade de estudo é a chave para a qualificação dos jovens e essa busca deve ser o foco dos trabalhos dos políticos. Parabenizou a todos os envolvidos pelo esforço e dedicação para conseguir colocar em funcionamento o espaço e ressaltou que agora a sociedade, os políticos e todos devem fazer um esforço para trazer cursos para oferecer na prática a qualificação profissional, consequentemente tendo a geração de renda no município. O vereador destacou, nesse sentido, que várias outras conquistas foram alcançadas nos últimos anos, como a passagem para universitários, nas quais foram investidos mais de 300 mil reais no último ano, do reequipamento das secretarias, dos ônibus e o distrito industrial. “Com a contribuição dos outros administradores temos essas e tantas conquistas, claro, não podemos negar, mas é necessário que se diga que esse processo foi colocado em prática pela atual administração, com esforço, com humildade e dedicação.” Falou sobre o PNE e o Plano Municipal de Educação que foi discutido na noite da segunda, o qual valerá por 10 anos, afirmando que as estratégias debatidas não são do prefeito, nem dos vereadores e nem um plano de governo e sim da educação para vários políticos que vão passar por aqui. Gadini citou em seu pronunciamento Elvino Bonh Gass, o qual defendeu projeto do PNE e foi um dos relatores do projeto. Para finalizar falou da passagem de dona Lurdes e se mostrou solidário. Ainda parabenizou Juliano pela iniciativa de continuar a fazer pelo município e dona Nilva, destacando que pretende fazer o mesmo depois do término de seu mandato.

Chico citou melhorias no governo petista

O Vereador Chico Rigo cumprimentou a todos e em seguida falou que nesses dias difíceis é complicado usar a tribuna, mas que isto é um privilégio, além dos espaços no jornal e na rádio comunitária, pois antigamente isso não era possível, era proibido, recordando a ditadura militar. “Se tem gente que gosta da ditadura, parabéns. Nós não somos radicais para dizer que o regime militar fez mal ao país, se ele fez bem foi para poucas vamos respeitar a opinião”. Falou do sentimento anti-pt que a mídia e alguns partidos estão alastrando. Disse que se orgulha por ser do partido dos trabalhadores por várias situações que foram criadas no país, dizendo que ladrão há em todos os partidos. O vereador ressaltou que pessoas acreditavam que membros do PT não iam se corromper, mas membros de todos os partidos se corromperam, no entanto, os partidos continuam. Chico falou sobre a liberdade de expressão, que em tempos de ditadura foi conquistada na base do laço e da censura. Disse que a diferença nos partidos está na maneira como eles tratam as pessoas, nas oportunidades dadas aos pobres e no diálogo não como foi feito com os professores no Paraná que foram recebidos no pau, citou. Destacou que a tempestade no PT está passando e que os ajustes são para pessoas que tem o pulso firme para fazer, administradores que tem responsabilidade, salientando que deve-se parar de fazer demagogia e ver  que é possível ser feito “O Sartori pode fazer ajuste fiscal, a Dilma não pode e o Gasparetto não pode?”questionou o vereador. Disse ainda que o prefeito Gasparetto é seu Lula de Ronda Alta, parabenizando-o e o secretário Pedro Selomar pelo belo trabalho que vem desenvolvendo. Chico ainda disse que todos querem empurrar a culpa só para o PT, ressaltando todos os que estão aliados também tem culpa pois estão com os ministérios. Falou sobre a participação do partido  progressista nos roubos, o qual é sócio majoritário da Petrobras “e no final a culpa ainda é do PT.” O vereador lamentou pois a sociedade está se corrompendo também “uma declaração falsa do prouni, do fies e de um financiamento agrícola também é corrupção e isso é visto dia-a-dia”. Falou sobre os aproximadamente 200 mil reais que entraram para o município a fundo perdido, que são para 11 reformas de habitação rural, citando entidades envolvidas. “Porque não fizeram em outros governos? Nós do partido dos trabalhadores estamos fazendo. Isso é programa de governo”. Falou das melhorias, do desenvolvimento afirmando que tem pessoas que não admitem e não reconhecem. Falou sobre a inauguração do centro de formação que o emocionou que foi construído por pessoas que queriam o desenvolvimento de Ronda Alta, com a contribuição da Administração e a Câmara de Vereadores. Questionou o porquê das não construções das creches em tempos anteriores, dizendo que a educação deve dar oportunidade das crianças começarem cedo, falando dos recursos do pré-sal que devem ser aplicados na educação. “A universidade era pra padrinho, hoje pobre estuda, tem ar condicionado, tem micro-onda e outros, e é isso que tem gente que não consegue digerir, por que antes era oportunidade para poucos.” Finalizou.

Assessoria de Imprensa/Viviane Lara

DiárioRS

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.

whats rodape

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Revista Spelho
  • Estação Fitness
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Eficaz
  • Confecções Helenice