Follow - Liv - G8 Pub
Grossi Combustiveis
Cesurg Sarandi
Cresol Sarandi
  • Grossi Combustiveis
  • Cresol Sarandi
  • Cesurg Sarandi
  • Follow - Liv - G8 Pub
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Rômulo De Cezaro
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Restaurante 4 Ases
  • Clínica Estética Vitallitá
  • X & Cia
  • Stamp Personalizados
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Nina Comunicação Visual
  • Cotrisal
  • Bortoluzzi Odontologia
  • ZF Colchões Bio Magistral
  • Taura Auto Peças
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Laboratório Sarandi
  • Spyder
  • Sicredi
  • Milani Corretora de Seguros
  • Barbearia 84
  • VS Gráfica Expressa
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Casarotto Imóveis
  • Gostinho Della
  • Home
  • Cidades
  • Rondinha
  • Rondinha – Enxertia de Nogueira-pecã em destaque no município

Siga nossa página

Rondinha – Enxertia de Nogueira-pecã em destaque no município

 

O cultivo de plantas frutíferas está em grande ascensão devido ao potencial nutritivo, geração de renda e fixação do homem no campo com boa qualidade de vida. Na última década houve um incremento significativo na área cultivada de nogueira-pecã no município de Rondinha, totalizando hoje uma de 38 ha cultivados.

As nozes da pecã possuem grande propriedade antioxidante, evitando o envelhecimento precoce, aparecimento de câncer, mal de Alzheimer e doenças cardiovasculares. Possui mais de 19 tipos de vitaminas e minerais, incluindo vitamina A, ácido fólico, cálcio, fósforo, magnésio, potássio, vitamina B e zinco.

Visto está grande quantidade de benefícios, produtores do município, vem procurando a equipe técnica da Emater-RS/Ascar em busca de informações e renovação de pomares velhos improdutivos. Conforme destacam Luciano Schievenin Engenheiro Agrônomo e Sérgio L. Morgesten Téc. Agropecuário do escritório municipal, plantas velhas com mais de 20 anos por vez, podem ser improdutivas devido a pouca informação genética existente nos anos 90. Atualmente as novas cultivares iniciam a produção com 5 a 6 anos de plantio, destaca Sérgio.

Uma forma interessante conforme relata Luciano, para não esperar estes 5 a 6 anos até iniciar a produção de um novo pomar é a utilização de enxertia por borbulha de gema ativa no período de primavera-verão quando as plantas estão em estágio vegetativo, correspondendo ao período de 15 de novembro até 15 de janeiro, pois é o momento em que há maior fluxo de seiva circulante na planta, facilitando o destaque da casca. Está técnica possibilita aumento significativo em produtividade e precocidade dos pomares.

rondinha emater 07 12 15

AIP-Rondinha

DiárioRS

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.

rodape diario novo 05 12 15

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Revista Spelho
  • Eficaz
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Confecções Helenice
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Vimesq
  • Estação Fitness