Follow - Liv - G8 Pub
Cresol Sarandi
Cesurg Sarandi
Grossi Combustiveis
  • Follow - Liv - G8 Pub
  • Grossi Combustiveis
  • Cesurg Sarandi
  • Cresol Sarandi
  • Sicredi
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Gostinho Della
  • Cotrisal
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Restaurante 4 Ases
  • Rômulo De Cezaro
  • Taura Auto Peças
  • Spyder
  • Laboratório Sarandi
  • VS Gráfica Expressa
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • ZF Colchões Bio Magistral
  • X & Cia
  • Nina Comunicação Visual
  • Clínica Estética Vitallitá
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Casarotto Imóveis
  • Milani Corretora de Seguros
  • Stamp Personalizados
  • Bortoluzzi Odontologia
  • Barbearia 84
  • Home
  • Cidades
  • Sarandi
  • Sarandi - Dia internacional do Cooperativismo foi destaque no Programa de Rádio do Rotary falando com a Minuano

Siga nossa página

Sarandi - Dia internacional do Cooperativismo foi destaque no Programa de Rádio do Rotary falando com a Minuano

 

sarandi 8 7 16A Rádio Minuano FM 104,9 apresenta aos sábado das 10h30min às 11h30min,o programa Rotary falando com a Minuano,a produção e apresentação sob a responsabilidade do Rotary Club de Sarandi, e no sábado dia 2 de julho de 2016,na apresentação de Justino Pasquetti e Fernando Luiz Concatto,na primeira parte com a participação de João Lima Presidente do Rotary no período Rotário 2016\2017 que falou das festividades de posse de toda família rotaria(casa da Amizade,Rotary,Rotarct e Interact) quw foi realizado na quinta feira dia 30 de julho.Na segunda parte o destaque foi sobre o dia Internacional do Cooperativismo,que no dia 2 de julho estava sendo comemorado em Sarand,com a participação de João Carlos Chini Vice Presidente da COTRISAL  e Saul Rovadoski Presidente do Sicredi Região da Produção que falaram sobre O Dia Internacional do Cooperativismo é comemorado no dia 4 de julho. No início era conhecido como o Dia da Cooperação e, mais tarde passou a ser chamado de Dia do Cooperativismo, e atualmente é reconhecido como Dia Internacional do Cooperativismo.

A primeira celebração do Dia do Cooperativismo foi no ano de 1923, quando era comemorado sempre no primeiro sábado do mês de julho, com uma confraternização entre todos os povos ligados a atividades de cooperativismo. Porém, oficialmente, a data só foi criada em 1994.

O cooperativismo é um preceito que indica a colaboração e a associação de pessoas ou grupos com os mesmos interesses, e com o objetivo de adquirir vantagens comuns para as suas atividades econômicas.

É um dos fundamentos do cooperativismo o progresso social através da cooperação e da  ajuda mútua pelo qual aqueles que se encontram na mesma situação conseguem, pela soma de esforços, garantir a sobrevivência.

Diretamente sobre as relações econômicas, o cooperativismo atua com o objetivo de reduzir custos de produção, ter melhores condições de preço e prazo, ou seja, inferir no sistema em vigor na busca de alternativas e sobre os 13 ramos .

1. Consumo: Essas cooperativas buscam abastecer seus cooperados fazendo compras em comum. Assim, conseguem tornar o preço mais baixo e manter a qualidade dos produtos.

2. Sociais: As cooperativas sociais inserem no mercado, por meio do trabalho, as pessoas que precisam ser tuteladas ou que estão em situações de desvantagem.

3. Trabalho: As cooperativas de trabalho nasceram quando profissionais autônomos se uniram para buscar melhores condições profissionais. São formadas por trabalhadores de um mesmo ramo, que se propõem a realizar em comum suas atividades.

4. Educacionais: As cooperativas educacionais são formadas por professores que se organizam como profissionais autônomos para prestar serviços educacionais e por pais de alunos que buscam uma educação melhor para seus filhos, administrando as escolas e contratando os professores. Seu objetivo é unir ensino de boa qualidade e preço justo.

5. Transporte: As cooperativas de transporte atuam na prestação de serviços de transporte de cargas e passageiros. Elas poderiam ser enquadradas no ramo trabalho, mas, devido às peculiaridades de sua atividade, têm denominação própria.

6. Agropecuárias: Um dos mais tradicionais ramos do cooperativismo, as cooperativas agropecuárias englobam produtores rurais, agropastoris e de pesca. Cerca de 50% de toda a produção agropecuária brasileira passa de alguma maneira por uma cooperativa.

7. Saúde: As cooperativas desse ramo são o resultado da união de médicos e outros profissionais de saúde, que buscam oferecer uma alternativa aos custosos planos de saúde existentes.

8. Crédito: São associações de pessoas que, por meio da ajuda mútua e de uma atuação coletiva, buscam uma melhor administração de seus recursos financeiros. Atuam na prestação de serviços, como empréstimos e administração de poupanças. São equiparadas às instituições financeiras e têm seu funcionamento autorizado e regulado pelo Banco Central do Brasil.

9. Habitacionais: As cooperativas desse ramo funcionam da seguinte maneira: os associados contribuem com um valor mensal e têm acesso a um determinado tipo de imóvel, acordado previamente.

10. Produção: Nelas, os associados contribuem com o seu trabalho para a produção em comum de bens e produtos. A propriedade dos meios de produção é dos trabalhadores da cooperativa, e não há proprietários que não trabalhem nela.

11. Infraestrutura: Elas prestam, de forma coletiva, serviços essenciais, como energia, telefonia, limpeza pública, segurança e saneamento básico, aos seus associados.

12. Mineral: São cooperativas de mineradores constituídas para viabilizar a extração, industrialização e comercialização de produtos minerais.

13. Turismo e lazer - Formado pelas cooperativas que atuam no setor de turismo e lazer, organiza as comunidades para disponibilizarem seu potencial turístico, hospedando os turistas e prestando-lhes serviços.

Foi no ano de 1983 que surgiu uma nova força para a economia de Sarandi e região. No dia 29 de julho, em um ato de muita coragem e determinação, reuniram-se em assembleia os 26 fundadores da Cooperativa de Crédito Rural Sarandi Ltda - Credisal. Esse grupo, formado por agricultores, buscava criar uma alternativa às instituições financeiras convencionais, com atenção especial às necessidades dos pequenos produtores para o fomento do desenvolvimento rural da região.

A assembleia de fundação aconteceu na sede da Cooperativa Tritícola Sarandi Ltda - Cotrisal, e foi coordenada por Luiz Laurindo Graciolli, na época também presidente da cooperativa agropecuária. Após explicar sobre os objetivos da reunião e de justificar, de forma incansável, a importância do cooperativismo, convidou a todos os presentes para participarem da constituição da Credisal.

Um empreendimento em plena expansão

No Rio Grande do Sul, a Sicredi Região da Produção conta com estruturas de atendimento instaladas nos municípios de Constantina, Novo Xingu, Ronda Alta, Nova Boa Vista, Nonoai, Rio dos Índios, Três Palmeiras, Liberato Salzano, Trindade do Sul, Gramado dos Loureiros, Engenho Velho, Rondinha, Barra Funda e duas e Sarandi.

Com projeto de expansão em pleno andamento no Estado de Santa Catarina, já são sete pontos de atendimento instalados: Xanxerê, Xaxim, Coronel Freitas e quatro na cidade de Chapecó.A história de uma das maiores Cooperativas Agropecuária do Rio Grande do Sul iniciou a ser escrita em 1957, seguindo desde aquela época preceitos de governança corporativa, cuja finalidade era encontrar mecanismos para suprir as dificuldades de beneficiamento, transporte e comercialização das safras de trigo.

Unidos pelo mesmo objetivo, um grupo de pequenos agricultores criou no dia 15 de agosto de 1957, em Sarandi, a Cooperativa Tritícola Sarandi Ltda – COTRISAL.

Com base na sua essência e fortalecida pelos princípios do cooperativismo, a Cotrisal foi vencendo os desafios e consolidando-se como uma cooperativa em expansão nos aspectos financeiro, econômico e social.

Em 59 anos de história, a Cotrisal sempre buscou estabelecer estratégias de crescimento sustentável, através de práticas que valorizam o capital humano-associados e funcionários.

A honestidade e competência de seus administradores ao longo da história fizeram com que a Cooperativa fosse crescendo, conquistando seu espaço e fortalecendo a relação de confiança com os associados. Voltada à produção de grãos, se expandiu e atualmente se faz presente com 32 pontos de recebimento, acompanhando e proporcionando crescimento através da geração de emprego e renda em 27 municípios da região Norte do RS.

Por Fernando Luiz Concatto

DiárioRS

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.

rodape diario novo 05 12 15

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Eficaz
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Vimesq
  • Confecções Helenice
  • Revista Spelho
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Estação Fitness