Cesurg Sarandi
Grossi Combustiveis
Follow - Liv - G8 Pub
Cresol Sarandi
  • Cresol Sarandi
  • Cesurg Sarandi
  • Follow - Liv - G8 Pub
  • Grossi Combustiveis
  • Home
  • Colunistas
  • José Leal
  • Sarandi – Leia “Sarandi Em Fatos” de 29 novembro 2012

Siga nossa página

Sarandi – Leia “Sarandi Em Fatos” de 29 novembro 2012

0000000000000000jornal210

Cópia
Diz um ditado que o que é bom é para ser imitado. Mas, as vezes nem tudo o que é imitado pode ser bom. Ou, a copia pode ser pior que o original. Essa coluna já tem copia. Até mesmo citações, adjetivos, temas e personagens são citados pelo imitador.


Futuro
Comenta-se nas rodas políticas que o PDT de Sarandi poderá ser dirigido em breve por uma liderança até agora sem envolvimento direto com a política partidária. Trata-se de uma liderança do setor cooperativista.


Secretariado I
Continua segredo guardado a sete chaves a composição do futuro secretariado da prefeitura de Sarandi para os próximos quatro anos, ou, ao menos para o inicio da nova administração pois segundo afirmou o futuro vice prefeito “quem não trabalhar não fica”. Dois nomes devem permanecer, Altair Ecker e Marcia Beckmann, o resto é especulação. Apostas dão conta que poucos permanecerão nas suas pastas. Só especulações.


Secretariado II
Uma das áreas de maior ligação e atuação do PT é a agricultura,principalmente a agricultura familiar. Um dos lideres desse segmento teria sido convidado para assumir a secretaria da agricultura. Ainda estuda o convite. Teria o apoio de deputado federal que garantiria recursos para essa pasta.

Aposentados
R$1.684.302,20 reais, esse é o volume de recursos que será injetado na economia de Sarandi com o pagamento do 13º salário de aposentados e pensionistas. Sarandi possui 2.023 beneficiários urbanos e 2.727 rurais totalizando 4.750 benefícios concedidos pelo INSS a aposentados e pensionistas em Sarandi o que corresponde ao valor mensal de pagamento de R$ 3.554.984,06 reais. Materia completa nessa edição.

Rodoviária
Ainda é indefinida a situação da Estação Rodoviária de Sarandi. Matéria na edição anterior do Folha tráz a posição da responsável pela empresa que administra a rodoviária. A empresária garante que a rodoviária não irá fechar. A reportagem procurou informações diretamente com o Daer. As informações repassadas não esclarecem muita coisa. Leia nessa edição.

Empregos
Muita comenta-se sobre a falta de mão de obra em Sarandi mas esquecem
de lembrar que somente em 2012 mais de 800 pessoas receberam gratuitamente cursos de aperfeiçoamento profissional através dos cursos do FGTAS/SINE no município. A maioria dos participantes desses cursos já tem emprego garantido antes mesmo do término. Em resumo, só não trabalho quem não quer ou não tem qualificação. Mais 20 cursos estarão com as inscrições abertas em breve. È preciso e justo que essas colocações sejam feitas.A pergunta da semana. De quem será o próximo carro a ser rifado que estará na Avenida Expedicionário.


Asfalto
Vereador Jonka entregou em Brasília, no Ministério das Cidades, pedido de seis milhões de reais para asfaltamentos e a respectiva infra estrutura para o loteamento Parque Ipiranga. O ministro é Agnaldo Ribeiro do PP. Boas expectativas.


BM
Obedecendo normas internas, a Brigada Militar de Sarandi não divulga com muitos detalhes a sua atuação. Mas, na semana que passou, quando já amanhecia o dia, foi numa ação inteligente de dois policiais que foi possível recuperar material roubado durante a madrugada quando vários veículos foram arrombados. A pé, para não chamar a atenção dois policiais abordaram dois suspeitos, um deles fugiu mas outro foi detido e o material roubado recuperado. Merece registro.


Vitrine
Sarandi possui dezenas de entidades , associações e clubes de serviço. Algumas entidades sem utilidade, algumas associações que de tão “ fechadas” só são vistas em desfiles de 7 de Setembro ou 20 de Setembro e alguns clubes de serviço que mais servem para “ dar serviço” ao poder público e á comunidade com tanta promoção e pedidos. Falta muito para essas entidades em retorno á comunidade em contrapartida àquilo que dela tem tido em colaboração. Algumas buscam mais um lugar na vitrine do que ajudar quem precisa.


Vitrine II
São poucas as entidades ou clubes de serviço que desenvolvem ações em benefícios dos necessitados sem que recorram ao poder público em busca de ajuda. Dividem os ônus mas ficam com os bônus. E como isso acontece em Sarandi. Sugestão: Em todo evento, promoção ou realização onde ocorra a participação do poder publico e o fim é o lucro financeiro e o município tenha ajudado, parte desse lucro seja revertido para fins sociais previamente estabelecidos os percentuais e quem será beneficiado. Exemplo, se ocorrer ajuda pública municipal ou da Câmara de Vereadores para uma escola particular, essa deve dar como contrapartida determinadas vagas para alunos que não tenham condições de pagar pelo ensino particular, se houve ajuda financeira para eventos sociais deve haver a contrapartida com a participação livre de determinado numero de sarandienses, afinal, o dinheiro público é de
todo, ou não?. Exemplo positivo tem sido os campeonatos municipais de futebol e futsal, como o município tem conseguido recursos do Estado para os últimos campeonatos foi acertada a decisão de não cobrar ingressos em nenhuma dessas competições. Outro exemplo, o GAP, Grupo de Apoio á Policia de Sarandi. É mantido com a colaboração de empresários e a obra mais recente foi a reforma da delegacia da Policia Rodoviária Federal. Sem alarde.


Era Uma Vez –Parte I
Era uma vez no reino,a existência da clã do rei sem trono, que, mesmo ele não tendo a simpatia a maioria dos súditos , a clã permanecia a adora-lo. Muitos perderam suas velhas brigas em apostas nas tabernas mas contentam-se em ver o rei sem trono desfilar com a sua, moderna e de fabricação recente. Feiticeiros do reino buscamn entender como isso acontece, alguns apostam em magia e outros , mais realistas , creditam isso ao exercito de adoradores e sua incansável peregrinação pelo reino em defesa do seu rei sem trono numa luta para salva-lo. Em resumo, os súditos dizem, há no reino dois reis, mas só um com trono. Na próxima semana mais um capitulo.


Era Uma Vez- Parte 2

Era uma vez no reino um ar de preocupação entre os membros do "Conselho" do rei atual. Todos querem saber quem fica para o proximo reinado. Suditos comentam que o futuro rei formará um " Conselho" técnico. O vice rei já avisou, quem não lutar por novas conquistas deixará as fileiras do exercito do futuro reinado.

Fim
Não sou dinheiro. Por isso não preciso que todos gostem de mim.

Por José Leal - Folha da Produção

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.