Cesurg Sarandi
Grossi Combustiveis
Chini Centro Auditivo
Cresol Sarandi
  • Cesurg Sarandi
  • Chini Centro Auditivo
  • Grossi Combustiveis
  • Cresol Sarandi

GreNal - Humilhação estilo Penta

Em primeiro lugar quero fazer um especial agradecimento ao senhor Vitorio Piffero, o melhor presidente que o Inter já teve, afinal além de mandar embora jogadores, demitiu o meu querido Diego Aguirre (não sei vocês caros leitores, mas em minha opinião Aguirre deveria continuar no Inter. Deixando claro que não estou sendo irônica). A vida é isso nem todos que estão com o poder em mãos tem o devido discernimento para fazer jus à posição que ocupam.

 

Nesta bela noite de Domingo me vejo acompanhando o Grenal e em minha mente passa um filme, volto ao dia 03 de maio de 2015 onde também escrevia sobre um Grenal o qual consagraria o Internacional como pentacampeão do Campeonato Gaúcho e também seria meu primeiro texto para o Diário RS, o qual até hoje estou a escrever. Novamente um Grenal, este de número 407, e de certa forma um Grenal Penta, porém este Penta não era um título conquistado, mas sim uma goleada sofrida pelo Colorado. Venham comigo para juntos tentarmos estender o que aconteceu.

0 09AUG15 Grenal 247 l

A partida na Arena Grêmio começou com um futebol de grande qualidade, mas qualidade do lado gremista que desde o início mostrou superioridade e sem piedade foi para cima do adversário. Para consagrar essa tão grande superioridade logo aos 04min de jogo Luan era um gol quase que dentro da meta Colorada. E se isso parecia gol imperdível foi logo substituído por outro lance ainda mais imperdível. Aos 10min Pedro Rocha recebeu de Douglas pela direita, chutando com força, Alisson espalma nos pés de Giuliano que acaba sendo derrubado, onde o senhor Dewson Fernando Freitas da Silva marca pênalti para o Tricolor Gaúcho. E para a bola vai o senhor Grisalho também conhecido como Douglas, que cobra mal mandando a bola direto para fora.

 

Apesar de tanto perder gols a equipe gremista continuou pressionando, impondo seu ritmo de jogo, jogo este de muita qualidade. As evidencias de que o jogo era apenas gremista eram muitas, e pelo lado do Inter só pode-se identificar um lance de perigo de gol aos 22min do 1° T que em nada resultou. O Inter foi ter mais uma chance aos 31min com Sasha, lance este que sofreu interferência de Edinho, evitando o que poderia ser o gol Colorado.

 

Mas apesar destas oportunidades o Inter era inferior e sequer tinha a posse de bola e quando a tinha era para poder defender-se. Como não era capaz de marcar acabou levando. Após perder tantas chances, aos 34min em horrível cobrança de escanteio, Lisandro Lopéz tenta afastar, mas era e a bola sobra para Giuliano que manda uma pancada de pé esquerdo, a bola pega no travessão e entra sem chance de defesa para Alisson.

 

E se você caro leitor pensa que terminou a primeira etapa nisso engana-se, teve ainda tempo de o Grêmio ampliar, aos 42min do 1° T, Erazo se antecipou a Lisandro Lopéz, e na intermediaria acionou Luan. O garoto dominou com liberdade para avançar até a entrada da área e chutar de pé direito, rasteiro, no canto da meta de Alisson, que novamente não alcançou.

 

Vamos logo para a segunda etapa! E para começar bem logo aos 03min Edinho domina na entrada da área e chuta forte, a bola bate na zaga e sobra para Pedro Rocha que domina pela direita, cruzou para o meio onde Giuliano tenta desviar, mas não alcança. A bola sobra para Luan, que sem dó nem piedade manda-a para o barbante.

 

A partir de aproximadamente os 10min do 2° T a equipe Colorada tentou uma reação, mas que em nada estavam resultando. Porém o pequeno momento de superioridade Colorada acabou e o Grêmio tomou as rédeas da partida, em especial após a entrada de Fernandinho.

 

E justamente este Fernandinho que entrou na partida no lugar de Pedro Rocha, foi ele que aos 30min aproveitou o lançamento de Maicon, ficando cara a cara com Alisson, e assim ampliar o marcador e também o massacre.

 

Não pense vocês meus fieis leitores que acabou. Teve ainda tempo de Rever, sim Rever fazer o seu, mas não a favor de quem paga seu salário até porque não tem capacidade para isso, então mandou contra o patrimônio aumentando o escore gremista. Aos 38min do 2° T Fernandinho recebeu de Giuliano pela direita, com velocidade cruzou para a área onde Rever tentou afastar e acabou por fazendo o que vocês já foram informados. Grêmio 5X0 Internacional.

 

Caros amigos este Grenal estava com muitas indicativas de superioridade gremista, mas não com indicativas de superioridade esmagadora. Este Grenal foi apenas do Grêmio que acabou com uma escrita de 55 anos sem vencer o Internacional por mais de cinco gols.

 

Em primeiro lugar obrigada Erazo por fazer uma ótima pontuação para esta pessoa que vos escreve no meu querido cartola, em segundo obrigada Alisson por levar CINCO GOLS e a-c-a-b-a-r com minha pontuação no cartola.

 

Bem acabo aqui mais uma cobertura, mais um Grenal, mais um Penta. Como disse o técnico Colorado Odair Hellmann antes da partida “...espero fazer um grande jogo. A gente vai fazer um grande jogo”, é o jogo foi bom, foi um grande jogo mesmo, porém não foi exatamente o melhor que os Colorados poderiam fazer. Espero sinceramente que a direção Colorada se ilumine e faça pela primeira vez algo de bom e contrate um técnico capaz de organizar a equipe do Inter.

 

E neste dia dos Pais, o que tenho a dizer é apenas, Feliz Dia dos Pais a todos, sejam eles Gremistas ou Colorados.

 

Por Valeria Cenci

Patrocinador desta coluna:

000aasaSlide1

INDÚSTRIA DE URNAS RIGON LTDA.
Rua Luiz Zanella, 200 - Distrito Industrial 
CEP 99680-000 - Constantina - RS
Fone: (54) 3363-1210

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.rodape diario
CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.