Grossi Combustiveis
Chini Centro Auditivo
Cesurg Sarandi
Cresol Sarandi
  • Chini Centro Auditivo
  • Cesurg Sarandi
  • Grossi Combustiveis
  • Cresol Sarandi

Inter - Ruim, mas bom!

 

galeria foto a172951548af46201468962aecf366fbJogar bem e vencer. É isso que agente precisa.” Argel.

 

Muito bem, nesta noite de frio, particularmente muito agradável, entraram em campo no Estádio Couto Pereira as equipes do Coritiba e do Internacional, pela 25° rodada do Campeonato Brasileiro.

 

O Coxa precisava vencer para sair da zona da confusão. Enquanto que o Inter, sonhando com G-4, e para isso tinha de conquistar sua segunda vitória fora de casa. Começou jogando muito bem, porém logo no primeiro tempo a qualidade caiu muito e o Colorado mais uma vez mostrou que se tem algo que lhe falta, esse algo é preparo físico. Então me vem uma pergunta: não tem ninguém, muito bem pago por sinal, para fazer algo por esses jogadores? Pois bem, acho que não.

 

Mas vamos logo ao jogo. O Inter começou já aos 02min indo ao ataque, chegando pela direita com Valdívia na velocidade, lance esse que em nada deu. Após isso foi à vez de Vitinho chegar, também aos 02min, limpando a marcação e chutando cruzado, a bola acabou saindo por cima da meta do goleiro Wilder.

 

Até aproximadamente os 15min de jogo a equipe do Internacional estava bem, com posse de bola e chegando ao ataque, mas pelo ato de não ter o menor preparo físico acabou por parar e deixar que o Coxa jogasse. O Coxa por sua vez não aproveitou o momento, que apesar de fazer certa pressão, concluía com a menor qualidade. Justificando sua presença na zona do Vasco, também conhecida como zona do rebaixamento.

 

Um dos motivos que justificava a falta de eficiência, e, aliás, a falta de tudo do Coxa era algo como o lance que vos narro a seguir.

 

16min do 1° T e a bola tem a infelicidade de se encontrar com Kleber Gladiador, que de Gladiador não tem é nada, e ele na entrada da área Colorada faz algo lindo, fura em bola. Mas tem justificativa para isso, ele está fora de ritmo. Porém fazem uns 4 anos.

 

Aos 37min o Inter voltou a chegar. Vitinho cobrou falta na área, Dourado cabeceou e a bola raspou em um defensor do Coritiba. A bola acabou sobrando para Wilder.

 

Aos 39min foi Ernando quem criou oportunidade. Ele pegou a bola no campo de defesa e correu até o campo adversário. No lado esquerdo, por falta de opção, ou de qualidade, acabou sendo desarmado. Mas convenhamos que ir ao ataque não é bem a função do Ernando.

 

A partida estava razoável, apesar de todos os pesares.

 

E no acréscimo do 1° T, aos 47min. Valdívia ficou com a bola depois de uma falha triste de Cáceres, onde o PokoPika puxou rápido contra-ataque para servir Vitinho, o garoto mandou a bola para o gol e Wilder espalmou dando rebote, novamente a bola foi para Vitinho que dessa vez não perdoou e mandou para o barbante. Abrindo o placar para o Colorado e dando a toda à equipe muita confiança. Coritiba 0X1 Internacional.

 

Já no segundo tempo o público de 16.714 pessoas viram o Coxa logo aos 02min chegar com cruzamento na área de Lucio Flavio, onde Walisson Maia desviou de cabeça e a bola saiu por cima da meta do goleiro Alisson.

 

Aos 04min do 2° T foi à vez do Inter chegar. Com bela jogada de Vitinho, que quis retribuir ao amigo o passe para o gol. Após falha do adversário o menino do gol Colorado mandou a bola para Valdívia que perdeu tempo e foi PokoDesarmado.

 

Logo após isso o Coxa teve seu momento na partida onde apresentou grande pressão, chegando forte, mas sem conseguir finalizar no local certo. E quando os jogadores do Coxa mandavam para a meta de Alisson era ele quem salvava o Inter, mostrando que é seleção.

 

Mais algumas chances apareceram, e foram para ambos os lados.

 

Aos 10min quem tentou finalizar para o Inter foi Willian, que teve de se contentar com um escanteio.

 

Aos 18min Léo fez uma grande jogada dentro da área. Wilson afastou o perigo e no rebote Vitinho cruzou. Então apareceu Ivan para salvar o Coxa e evitar o que seria o segundo gol Colorado, afinal o goleiro já estava batido.

 

Aos 28min Kleber chutou bem, obrigando Alisson a fazer mais uma bela defesa.

 

Mas então chegou o momento polemica. Que em todas as partidas deve ter. E foi aos 37min quando Rafael Moura dividiu com Kleber dentro da área, onde Moura acabou cometendo pênalti, mas que o senhor Raphael Claus mandou a partida seguir.

 

Para quem não conhece o senhor Kleber talvez não saiba de sua pequena mania de cair o tempo todo pedindo pênalti, o cara é tão irritante que até fora da área pede pênalti. Então mesmo quando é pênalti os árbitros não vão na dele e assim nada marcam.

 

Pois bem senhor Gladiador, quer que a todo o momento marquem pênalti a sei favor? Se queres, vá jogar no Corinthians meu caro!

 

No final o Coxa tentou um gol de empate, mas nada. Os Coxa Branca estavam no desespero e sob muita pressão da torcida que em todo momento vaiava sua equipe, o que deixava os jogadores ainda mais desesperados.

 

Pelo lado do Inter apenas a vitória foi positiva, porque a atuação foi muito abaixo do que se espera. E como disse Argel antes da partida, “Jogar bem e vencer. É isso que agente precisa.”. Venceram, mas sem jogar bem.

 

Apesar de tudo a vitória foi muito importante para o elenco Colorado que assim ganha mais confiança para as partidas seguintes.

 

O que espero é que possa nas próximas partidas além de vencer, que o Inter consiga convencer.

Por Valeria Cenci

Patrocinador desta coluna:

000aasaSlide1

INDÚSTRIA DE URNAS RIGON LTDA.
Rua Luiz Zanella, 200 - Distrito Industrial 
CEP 99680-000 - Constantina - RS
Fone: (54) 3363-1210

DiárioRS

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e  fique informado sobre as notícias da região.

rodape diario novo

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.