Cresol Sarandi
Grossi Combustiveis
Cesurg Sarandi
Follow - Liv - G8 Pub
  • Cesurg Sarandi
  • Grossi Combustiveis
  • Follow - Liv - G8 Pub
  • Cresol Sarandi
  • Nina Comunicação Visual
  • Cotrisal
  • Gostinho Della
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Laboratório Sarandi
  • ZF Colchões Bio Magistral
  • Casarotto Imóveis
  • Sicredi
  • X & Cia
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Barbearia 84
  • Clínica Estética Vitallitá
  • Rômulo De Cezaro
  • Restaurante 4 Ases
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Taura Auto Peças
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Bortoluzzi Odontologia
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Milani Corretora de Seguros
  • VS Gráfica Expressa
  • Home
  • Notícias
  • Barra Funda - Motoristas e agricultores protestam contra a alta dos combustíveis

Barra Funda - Motoristas e agricultores protestam contra a alta dos combustíveis

 

Na tarde de segunda-feira, dia 21 de maio, cerca de 100 pessoas entre motoristas e agricultores realizaram um protesto pacífico as márgens da RS 569 em Barra Funda, próximo a um dos trevos de entrada da cidade.

A manifestação é similar as que ocorrem em diversos pontos do território nacional, sendo que os motorista que aderiam a ação protestam contra os altos preços dos combustíveis, principalmente gasolina e óleo diesel.

Os manifestantes atearam fogo em pneus em ambos os lados da referida via, sem tumulto. Não houve paralização no fluxo de veículos no local.

IMG 20180521 WA0090

 

NO BRASIL

Caminhoneiros paralisam algumas rodovias pelo País nesta segunda-feira em protesto contra o aumento dos combustíveis. A categoria já havia prometido a paralisação na semana passada se não fossem atendidas uma série de reivindicações apresentadas ao governo federal. Os caminhoneiros querem a redução da carga tributária sobre o diesel. Os impostos representam quase a metade do valor do diesel na refinaria. Segundo eles, a carga tributária menor daria fôlego ao setor, já que o diesel representa 42% do custo da atividade.

Na manhã desta segunda-feira, foramregistrados atos em ao menos sete Estados: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo, Paraná e Rio Grande do Sul. Em razão dos reajustes diários no diesel, os caminhoneiros autônomos dizem estar trabalhando no limite. Nos últimos 12 meses, o diesel subiu 15,9% no posto. O aumento é resultado da nova política de preços da Petrobras, que repassa para os combustíveis a variação da cotação do petróleo no mercado internacional, para cima ou para baixo.

A reivindicação dos caminhoneiros é apoiada pelos donos de postos de combustíveis, que dizem estar perdendo margens com os aumentos de preços. Segundo o presidente da Fecombustíveis, Paulo Miranda Soares, o setor vai sugerir ao governo a redução dos impostos sobre os combustíveis e também que a Petrobras faça o reajuste em intervalos maiores. (Correio do Povo)

Foto - Leitor via WhatsApp

 

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Vimesq
  • Lancheria Grenal do Tainha
  • Eficaz
  • Revista Spelho
  • Confecções Helenice
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Estação Fitness
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA