Chini Centro Auditivo
Cresol Sarandi
Grossi Combustiveis
Cesurg Sarandi
  • Cresol Sarandi
  • Chini Centro Auditivo
  • Cesurg Sarandi
  • Grossi Combustiveis
  • Laboratório Sarandi
  • Milani Corretora de Seguros
  • Master Informática
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Taura Auto Peças
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Fornari Advogados Associados
  • VS Gráfica Expressa
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Barbearia 84
  • Clínica Estética Vitallitá
  • Cotrisal
  • Dec´s
  • X & Cia
  • Gostinho Della
  • PróVida
  • Teloken Engenharia LTDA
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Casarotto Imóveis
  • Home
  • Notícias
  • Governo do RS retira bandeira vermelha de Palmeira das Missões

Governo do RS retira bandeira vermelha de Palmeira das Missões

 

jpg

O governador Eduardo Leite definiu, na tarde desta segunda-feira, que somente a região de Palmeiras das Missões foi retirada da vigência da bandeira vermelha e volta para a laranja dentro mapa do modelo de Distanciamento Controlado contra a Covid-19 no Rio Grande do Sul. As regiões de Porto Alegre, Capão da Canoa, Novo Hamburgo e Canoas ficarão sob vigência da bandeira vermelha a partir da meia-noite desta terça-feira. O mesmo valerá para Pelotas, Cachoeira do Sul e Santa Cruz do Sul, que passaram de amarela para laranja. 

O Gabinete de Crise do Piratini analisou os 30 recursos recebidos de associações e municípios nesta segunda-feira. A progressão de Palmeiras das Missões ocorreu porque a área apresenta um nivel de controle sobre o coronavírus e pelo aumento de disponibilidade de leitos nos hospitais para pacientes com a doença.

Houve, porém, outra mudança nos critérios do Distanciamento Controlado. A partir de agora, os municípios gaúchos que estão na bandeira vermelha poderão utilizar os protocolos da bandeira laranja caso apresentem, dentro de 14 dias, nenhum óbito por Covid-19. Nesta rodada, 37 municípios se encontarm nessa situação. 

O governador ainda enfatizou medidas para as cidades que estão sob a bandeira vermelha para evitar aglomerações como a limitação de 30 pessoas em missas e cultos religiosos e o atendimento individual nas academias. Bancos e lotéricas poderão seguir orientações municipais. Já aos restaurantes segue sendo permitido apenas o funcionamento no sistema pague e leve e na telentrega.  

Porto Alegre voltará a restrições 

O prefeito Nelson Marchezan participou da coletiva do Governo do Estado e anunciou que Porto Alegre voltará a ampliar as restrições a patamares semelhantes ao que a Capital passou no início da pandemia, no mês de março. No entanto, ele não detalhou o que será vedado. O prefeito destacou que as medidas serão necessárias no momento por causa do aumento do número de leitos ocupados com pacientes com Covid-19 na cidade que, no início do final de semana passou de 75 para 100 nesta segunda-feira. 

"Não é um problema do município, do Estado, mas mundial. Medidas restritivas precisam ser adotadas neste período, nestas semanas que são mais sensíveis historicamente. Isso é para que a população nos ajude a garantir a menor contato e menos exposição", disse Marchezan. "Estamos trabalhando para salvar vidas. É um momento de tensão e angústia. O que não pode acontecer aqui é tentar divulgar que exista alguma desunião", completou. 

Fonte: Correio do Povo

 

Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini / CP

CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Revista Spelho
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • Estação Fitness
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA
  • Confecções Helenice
  • Eficaz