Cesurg Sarandi
Cresol Sarandi
Grossi Combustiveis
Chini Centro Auditivo
  • Grossi Combustiveis
  • Cresol Sarandi
  • Chini Centro Auditivo
  • Cesurg Sarandi
  • Cotrisal
  • Rembecker Estruturas Metálicas
  • Milani Corretora de Seguros
  • Master Informática
  • Signomar Comércio de Bebidas
  • Taura Auto Peças
  • Farmácia Nossa Senhora de Fátima
  • Barbearia 84
  • Clínica Estética Vitallitá
  • VS Gráfica Expressa
  • Casarotto Imóveis
  • Dec´s
  • Drággon Artigos Esportivos
  • Teloken Engenharia LTDA
  • PróVida
  • X & Cia
  • Consórcio Sarandi
  • Gostinho Della
  • Fornari Advogados Associados
  • Laboratório Sarandi

Felipão está salvo. Grêmio vence com assistência de Douglas e espanta crise

Felipão estava ameaçado. Douglas repetidamente cobrado pela torcida. Mas nesta quarta-feira (18), a dupla se salvou com a vitória do Grêmio. Com assistência do camisa 10 (que comemorou aniversário de 33 anos), o time de Porto Alegre venceu o Passo Fundo por 2 a 0, pela sexta rodada do Gauchão. E mesmo sem uma atuação de encher os olhos, espantou a crise.

00a0afelipao vec l

Se perdesse, o treinador poderia ser demitido. Douglas viu a direção cogitar até um rompimento em seu contrato. Mas realizou sua melhor partida nesta que é a segunda passagem pelo clube tricolor. Cobrou um bom escanteio para o gol de Erazo e foi importante na construção da vitória. No segundo gol, também participou da jogada que acabou quando Pedro Rocha colocou nas redes. No fim do jogo, acertou a trave. 
 
Com o resultado os gremistas voltam à zona de classificação para próxima fase do Estadual. Chegam a nove pontos em seis jogos. Enquanto isso, o Passo Fundo para com quatro e amarga a terceira derrota seguida, primeira em casa. Na próxima rodada, o Grêmio terá pela frente o Juventude, segunda-feira, às 20h30, na Arena. Já o Passo Fundo pega o Novo Hamburgo, domingo, às 19h. 
 
Fases do jogo: 
 
Tenso pelas duas derrotas em série, o Grêmio começou mal. Em 10 minutos, foi inferior ao Passo Fundo. Tanto que neste período, o time da casa acumulou duas oportunidades de gol. Aos 7 minutos, Souza lançou e Branquinho errou dentro da área. Em seguida, aos 10, Felipe Klein aproveitou-se de uma falha de Rhodolfo para bater e obrigar Grohe a uma difícil defesa. 
 
E quando era inferior, o Grêmio aproveitou-se de uma bola parada para abrir o marcador. Douglas bateu escanteio e Erazo, livre, cabeceou para as redes aos 13 minutos da etapa inicial, colocando o time gaúcho na frente e quebrando jejum de dois jogos sem marcar. Foi o primeiro dele com a camisa tricolor. 
 
Mas o lado direito defensivo do Grêmio vazou, e muito. As costas de Galhardo foram repetidamente usadas pelos atacantes do Passo Fundo, que tratou de buscar o ataque. O jogo foi igual, com os dois times tentando muito mas sem oportunidades claras até o fim do primeiro tempo. 
 
No começo da etapa final, o Grêmio mostrou que pretendia ampliar. Fellipe Bastos bateu de fora da área e obrigou o goleiro Vanderlei a uma complicada defesa aos 3 minutos de jogo. E aos 5, deu certo. Douglas enfiou para Pedro Rocha, a defesa afastou e caiu no pé de Everaldo, que encobriu o goleiro Vanderlei. Ela entraria, mas Pedro Rocha preferiu não ter dúvida e estufou as redes fazendo o segundo. 
 
O Passo Fundo saiu ao ataque, mas parou na falta de capacidade ofensiva. Souza, aos 40, perdeu de dentro da área e viu a última oportunidade parar longe do gol. Vitória gremista e crise, pelo menos agora, longe. 
 
O melhor: Douglas - Realizou sua melhor partida com a camisa do Grêmio, criando oportunidades de ataque. Deu uma assistência e acertou a trave. 
 
O pior: Galhardo - Errou muito na marcação e ocupou o espaço que o adversário gremista mais usou ao atacar. 
 
Chave do jogo: Bola parada - O Grêmio abriu o marcador quando era pior no jogo por conta de uma boa cobrança de escanteio. Assim, encaminhou a vitória. 
 
Toque dos técnicos: 
O Grêmio mudou taticamente.  Em vez de três atacantes, como usado no último jogo, o técnico Luiz Felipe Scolari montou a equipe no 4-4-2 em losango. Araújo foi o primeiro volante, Fellipe Bastos na direita e Marcelo Oliveira na esquerda. Douglas o armador livre e dois centroavantes na frente, Coelho e Everaldo. 
 
Já o Passo Fundo foi montado no 4-2-3-1, com Souza como figura principal do meio-campo. Branquinho, aberto pela esquerda, também foi arma interessante, principalmente no começo do jogo. 
 
Para lembrar: 
 
Souza contra o Grêmio. O meia, que entre outros clubes defedeu o São Paulo, foi jogador do Grêmio entre 2008 e 2011. Nesta quarta foi adversário. 
 
Estádio lotado, mas maioria gremista. Em Passo Fundo, o estádio Vermelhão da Serra esteve lotado. Mas os gremistas foram maioria, fazendo a equipe sentir-se em casa. 
CLIQUE AQUI, curta a Fan Page do site e fique informado sobre as notícias da região.

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

  • Estação Fitness
  • Confecções Helenice
  • Eficaz
  • Revista Spelho
  • Drago Restaurante e Pizzaria
  • SCT Construtora e Incorporadora LTDA